Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/04/18 às 15h19 - Atualizado em 30/04/18 às 15h19

Governo de Brasília quer mais de 20 pontos com wi-fi livre no DF

COMPARTILHAR

Árvores digitais já estão em Taguatinga e no Parque da Cidade

 

Foto: Cleverlan Costa

O Governo de Brasília pretende entregar até o fim do ano 22 árvores digitais, facilitando o acesso da população ao serviço gratuito de wi-fi. Dois equipamentos já estão funcionando. Um na Praça do Relógio, em Taguatinga, e outro no Parque da Cidade, inaugurado oficialmente no último sábado, dia 21, junto ao estacionamento 13.

 

Pelo planejamento do governo, as árvores digitais serão instaladas no Plano Piloto e nas outras cidades do DF. Taguatinga ganhará outra árvore. Ceilândia, Sobradinho, São Sebastião e Gama, entre outras, também terão seus pontos de wi-fi livre.

 

Além de navegar na internet, nas árvores digitais também é possível recarregar celulares, computadores e até bicicletas elétricas. Elas também servem de ponto de iluminação. As árvores digitais oferecem navegação de qualidade para até 100 pessoas conectadas nas proximidades do equipamento.

 

Para navegar no sinal oferecido pelas árvores digitais, o usuário faz seu login pelo gmail, facebook ou portal do Governo de Brasília. O equipamento segue os protocolos do Marco Civil da internet. Portanto, o sigilo de dados é assegurado.

 

O Governo de Brasília limpou as pichações que foram feitas por vândalos na árvore instalada na Praça do Relógio no fim de março. Ela foi atacada poucos dias depois da inauguração. O secretário adjunto para Inovação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Chubaci, faz um apelo para que a população ajude a conservar o equipamento, que é público e, portanto, pertence a todos.